URGENTE !!! WHIPPET SE MUTILANDO

Repassando pedido de ajuda postado por Safin na comunidade Whippet Brasil 02/04/2010
obs: o whippet não é o Safin



"Pessoal, conheci hoje um whippet com cerca de 6 meses de idade que está comendo sua pata traseira, já comeu muito mesmo os dedos, não tendo mais 3 unhas...a dona dele já foi em alguns veterinários e não encontram solução para o problema e o veterinário sugeriu que fosse sacrificado ... achei um absurdo e vim aqui ver se alguns de nós já passaram por problemas semelhantes...peço encarecidamente e com certeza o mais breve possível que mande sugestões para tentar solucionar esse problema evitando o pior..."

Acredito que é stress por ficar muito sozinho, pois ele mora em um sítio, mas não tem como saber. Não seria melhor encontrar um lar onde ele pudesse ser cuidado e tivesse mais atenção?
Será que alguém pode ajudar? Dicas, adoção, veterinário, ou o que for?
Alguém???

13 comentários:

  1. Rachel, Gustavo e Artù4 de abril de 2010 09:41

    Que horror!
    Acho bem possivel que seja por ficar muito sozinho... O Artù fica implicando com um dedo, tentando arrancar a unha, quando ele nao tem o que fazer. Eles nao sao caes para ficarem sozinhos em um sitio...
    Nao acho justo sacrifica-lo sem antes dar uma chance em uma nova casa... Se eu nao estivesse tao longe me ofereceria pelo menos como casa de passagem.
    Tomara que ele consiga uma nova familia...
    Beijo!

    ResponderExcluir
  2. Ola pessoal,

    Esse nao é o primeiro cão que tenho noticia de se devorar... É claramente um sinal de stress. Se ele vive em um sítio, provavelmente o dono nao terá condições de o tradar devidamente, entao acredito que uma adoção ou um lar temporario pode ser uma boa opçao. Talvez um tratamento com florais, companhia de outro cao onde este anjinho possa correr, brincar e gastar sua energia deve resolver.
    Boa sorte, e nos dê noticias dele.
    Caetano e Chica Gonzalez

    ResponderExcluir
  3. Ivone - mãe de Tica, Yoka e Zelda (a família aumentou!)4 de abril de 2010 14:15

    Este caso é urgente, florais não vão segurar imediatamente, seria para longo prazo. Isso é sinal de EXTREMO stress, necessita de intervenção imediata. Primeiro, é necessário impedir o ato de se devorar, mesmo através de calmantes e colar elisabetano ou outros. Segundo, alterar imediatamente a rotina do cão, com atenção em tempo integral - não somente vigilância mas atividades físicas. Onde está o cão? em qual estado? em qual cidade? precisa ser transportado? o responsável se dispõe a abrir mão dele mesmo que temporariamente?

    ResponderExcluir
  4. Nossa gente,
    Nunca ouvir falar disso,eu acho tambem que esse Whippet esta com muito stress.
    Um lugar onde ele tenha atenção total,muito carinho e muito espaço,convivendo com outros cães vai ser a melhor solução.
    Pena que já tenho 4 cachorros porque senão eu ficaria com ele e garanto que ele ficaria curado.
    Me diga esse cão é do Rio de Janeiro?
    Bj
    Monica Terra Lima

    ResponderExcluir
  5. JÁ tive um wetie que fazia isso, mas o caso dele é que ele tinha dermatite alérgica e coçava muito. Ele mordia para se coçar, e acabava exagerando. Só melhorou depois de tratada a alergia.
    Já procurou saber se não é nenhuma coçeira ou problema no nervo da pata? Ele estar sentindo alguma dor ou algo assim...
    Fiona morde a pata dela traseira, mas bem de leve, e só de vez em quando, meio que brincando consigo mesma... Sabe quando correm atrás do rabo? Acho q vou ficar mais atenta...

    ResponderExcluir
  6. A Débora ainda está com problemas para entrar na internet mas me avisou que falou com a vet. do Zé e que ela indicou uma excelente veterinária comportamental, dra.ANELORE, e que já teve um cão com este problema que teve que ser tratado com Prozac. Vou procurar a Dra. Anelore na internet, se alguém quiser ajudar vai ser ótimo.
    O Safin é de Itatiba (SP), este whippet deve ser dos arredores.

    ResponderExcluir
  7. Acabei de descobrir! O nome dela apareceu em uma matéria sobre animais confinados.
    http://www.rotdornweg.com/hpw1/nemosbichosescapam.htm
    Hannelore Fuchs (veterinária e psicóloga)
    Fone: 3865-2940 e 3865-6534

    ResponderExcluir
  8. Atendimento Psicológico (trata fobias, solidão e traumas dos animais)
    Alexandre Rossi: (atendimento em domicílio). Fone: (11) 3862-5865
    Hannelore Fuchs: Rua Corumbá, 109 – Sumaré. Fone: (11) 3865-2940
    Mauro Lantzman: Rua Costa Carvalho, 79 - Pinheiros. Fone: (11) 3814-1897

    ResponderExcluir
  9. guilherme trotta5 de abril de 2010 19:37

    Minha veterinaria aqui do rio falou que cuida dele e ainda arruma um lar, é uma excelente profissional e entende muito de whipped, segue os contatos dela
    flaviamatavares@bol.com.br, telefone 21 3235 6525, vamos tentat solucionar o quanto antes esse processo
    Grato,

    Guilherme

    ResponderExcluir
  10. Pode ser EXCESSO DE VACINAÇÃO! É um dos sintomas gerados pelo excesso de vacina anti-rábica (vacinar todo ano) e também por ter aplicado a vacina no cão antes dos 6 meses de idade e junto com outras vacinas. A anti-rábica só deveria ser dado com intervalo de 1 mês entre outras vacinas e entre procedimentos cirúrgicos, além de não haver necessidade de reforço anual. O mundo todo já sabe disso, só no Brasil os veterinários continuam ganhando dinheiro com a doença dos nossos cães!

    ResponderExcluir
  11. Pessoal, sei que tem muita gente querendo notícias desse whippet, mas por enquanto não temos novidades.

    A Denise tenta um contato com o dono do whippet Safin mas por enquanto nada.

    Pelo que falei com a Dra Hannelore, algo de muito errado na rotina do cão deve estar provocando isso, mas antes de tudo ela orienta que o whippet seja examinado minuciosamente e descartado qualquer problema de ordem física, e então partir para o psicológico.

    Ela, como comentou a Rachel, disse que muitas raças de cães não se sentem bem em sítios, e o whippet é uma dessas raças.

    Eles precisam de atividades, caminhadas, mas o principal é a companhia do dono.

    Qualquer novidade avisaremos.

    ResponderExcluir
  12. Pessoal, apesar do post ser antigo, só hoje pude ver essas fotos.

    uma coisa me chamou a atenção na primeira foto, nAo consegui decifrar o que a pessoa tem pendurado no pescoço.. seria um colar ou um corrente de prender cachorro?

    se for corrente está tudo explicado, um whippet preso teria muitos problemas mesmo... mas espero que não, tomara que seja apenas um colar.

    ResponderExcluir
  13. Alguém tem notícias desse pobrezinho?

    ResponderExcluir