Nossos queridos galgos retratados na arte desde o seculo

Bom dia confrades,

Essas fotos, fiz ontem, e peço desculpas pela qualidade, pq foram tiradas com meu celular.
Esses paineis sao datados de 1680, e pertenciam ao Palacio da Praia, em Belem, Lisboa.
Mostram a devoçao dos caçadores à bravura e determinaçao dos destemidos Galgos, em suas investidas na caça.
Hoje estao expostos no Museu Nacional do Azulejo em Lisboa.
Espero que gostem, e desejo a todos os confrades, um bom ano, e que o ano que vem possa ser melhor que todos os passados!
Beijos e abraços,

Caetano e Chica



















2009 ~ 2010


Queridos Cãofrades...

Antes de mais nada, nos desculpamos pela ausência... arranjos para casório e tudo mais, sabe como é?
Gostaria de deixar à todos um grande abraço de gratidão por 2009 e boa força para 2010.
Por aqui, nos despedimos desse ano agradecendo muito, pedindo pouco, cheios de planos para ano que vem.

Abraços,
San, Thais & Donnatella.

Hau Hau Hau

Por Zé Magrelo



Amigos mais que queridos, hoje é a Noite de Natal..
e nessa data tão especial não me esqueci de vocês.


Desejo a todos um Natal repleto de PAZ.


Não carrego presentes em meu saco, apenas papel..
tudo o que tenho está em meu coração ( e no de vocês também).
Muito amor e carinho, é o que desejo para mim e para vocês.


Hau, hau, hau..
FELIZ NATAL!!
P.S. Debora
Estamos morrendo de saudades de vocês, logo estaremos de volta!
Até lá...
Magrelada se comporte, não façam muitas artes, não desgrudem os olhos de seus papis. 
Papais e mamães de magrelos, cuidem bem de seus 'filhinhos', aproveitem esse período de festas para curtir ainda mais sua famíla ( incluindo os magrelos). Mas não abusem e fiquem sempre atentos, é nesse período, aparentemente tranquilo, que muitos acidentes acontecem.
Cães se perdem, fogem, enfim.. fiquem de olho. Não os deixem soltos sem supervisão, ok?

beijos e saudades

Minha Família - bamboo e Phusilli


Minha vida mudou depois desses magrelos, tem outro sentido. São meus filhos, não falam como nós humanos, se expressam pelo olhar, pelo abano da calda, pela FOLIA e alegria quando chegamos. Expressa tristeza ou decepção com a solidão ou a bronca justa, mas que torna quase impossível ficar bravo por muito tempo quando os dois vão sozinhos para o castigo.
Esse ano passaremos o natal e ano novo juntos. Local: Casa de amigos, nossos e deles, pois lá há dois dogs de bordeaux que o Bamboo comanda na brincadeira. Isso é família, isso é alegria.
Sempre repito que as famílias de whippets que conheci, ou não, apenas li no blog são especiais. Todos os dias tenho lições de humanidade, integridade e superação e se não fossem meus magrelinhos não teria essa chance. Por isso o natal e ano novo desse ano será mais especial, com esses integrantes e todos os amigos magrelinhos que surgiram por causa deles.
Em especial agradeço a Dé e ao Zé Magrelo que nos proporcionaram tanta alegria e o sentido da verdadeira amizade.
Peço a todos os confrades que sejam generosos com seu tempo, com o tempo que tem para expressar o amor, estar em família, cuidar de si. O tempo que tem para contemplar a vida e a natureza. Esse é meu desejo de ano novo.
Para o Bam e o Phu, desejo sempre a expressão da foto acima, de um domingo no parque com Sol brilhando.
Feliz 2010

Feliz Natal

Quem espera que a vida, seja feita de ilusão
Pode até ficar maluco ou viver na solidão
É preciso ter cuidado para mais tarde não sofrer...
É preciso saber viver.
Toda pedra no caminho você pode retirar,
Uma flor que tem espinho você pode se arranhar
Se o bem e o mal existem você pode escolher
É preciso saber viver!

SABEMOS QUE PARA TERMOS TUDO O QUE DESEJAMOS E QUEREMOS, PRECISAMOS LUTAR.
ENTÃO, NESTE NATAL, DESEJAMOS MUITA FORÇA, SERENIDADE, PERSEVERANÇA E HUMILDADE PARA QUE VOCÊ CONSTRUA, TODOS OS DIAS, O CAMINHO DESTA LUTA, MUITAS VEZES ÁRDUA, PORÉM LINDA QUE SE CHAMA VIDA.
LEMBRANDO QUE TEMOS O SUFICIENTE E O QUE VIER SERÁ UMA BENÇÃO PARA ACRESCENTAR E ILUMINAR AINDA MAIS NOSSOS DIAS.ESCOLHAM SEMPRE O LADO DO BEM.

SAÚDE AOS NOSSOS MAGRELOS E TAMBÉM A TODOS OS AUMIGOS! AFINAL, SÃO ELES QUE TAMBÉM ENCHEM NOSSOS DIAS DE ENORMES ALEGRIAS.

UM FELIZ NATAL A TODOS E UM 2010 REPLETO DE COISAS BOAS!

RENATA, DANIEL E GRACE.

O SEU 2010


De todas as sementes boas, a do amor aos animais é uma das mais sublimes. Que o carinho e dedicação oferecidos ao seu irmãozinho de pelos e quatro patas, voltem a você em forma de paz, saúde, alegria e prosperidade!

Cadê Zé Magrelo???

Zé Magrelo!!!!!!!
Cadê você?????
Cadê sua Mamis????
Você está a se comportar direitinho?
Estamos sentindo a sua falta por aqui!!!!

Boas Festas a todos os cãofrades...

Meus amigos:

Estamos chegando ao final do ano.

Como sempre, com a sensação que passou rápido demais.

Muita coisa boa aconteceu, outras nem tanto. Na média o saldo foi positivo.

Mas, o importante é que estamos conseguindo chegar quase ao final dessa prova. Sem quebrar. Sem bater.

Talvez não dê pódio.

Talvez não dê nem pontuação.

Mas, estamos chegando. E vivos, o que já é um bom negócio.

Antes da bandeirada final, quero desejar a todos vocês e às suas famílias um Natal de muita paz e harmonia no lar e que 2010 seja um ano excelente, com muitas realizações, muitas alegrias e principalmente com muita saúde.

Não deixem de assistir o "nosso video"...é nossa cara...

Lambeijos a voces

Sigmund (mamis: Cida)



video

Fiona na Praia (Ou Galgos e seus defeitos III)

Primeiramente,
Gostaria de pedir desculpas pelo post sem imagens. Perdi o celular com os vídeos liiindos de Fiona correndo na praia. Vocês nem fazem idéia da coisa linda que é!
Tanto, que gastei o décimo terceiro todinho numa cadeira de rodas que dá pra andar na praia, só pra passar mais tempo com ela lá.
Mas, ao mesmo tempo, foi um fim de semana complicado. Não sei por que, afinal, ela já esteve lá algumas vezes. Minha casa de praia, na verdade, é um apartamento térreo dentro de um condomínio.
Pois Fiona, acostumada a ficar só em casa, chorou por demais quando a gente saiu.
Lá, ela fica querendo fugir o tempo inteiro. Eu até compreendo, afinal, lá é um mundo novo pra ela. Mas ela fica muito agoniada, chorona, qualquer pessoa que passa ela late, com os pêlos todos eriçados e nós ficávamos sem saber o que fazer.
Vou viajar perto do natal e pretendo deixar ela com meu amigo, que ela adora, mas temo como ela vai se comportar. Ela chorou a noite toda riscando a porta, sendo que lá ela geralmente dorme comigo....
Engraçado como os defeitos comuns dela aqui, somem lá. Ela lá não rouba comida, não faz xixi pela casa toda, não fica mordendo a gente do nada no sofá. Se pudéssemos chegar num meio-termo! hahahah
Eu tô dando risada dos defeitos dos Galgos e vendo que uns são bem comuns! Outros, acho que dá pra gente ajeitar, né?
Não importa, amor é compreender. E amor a gente tem e muito!
Beijos a todos e até a próxima!

Galgos e seus defeitos (II)

Radija: a aleijadinha
Serena: aquela que dá pettit..


Radija: dormindo na cama do pai!
Brigitte: a toda perfeita que já morreu

Radija: a alegria da casa!


Pois é confrades!!!!
Nossos galguinhos tem defeitos mesmo, como tudo na vida, tem seu outro lado...
Já tive uma que era perfeita, mas morreu com 12 anos. Chamava-se Brigitte e foi adotada por mim com 2 anos; era muito saída, inteligente, sociável, porém bastante "blazer", companheira de todas as horas, não tinha medo de nada, viajava de avião conosco; e eu achei que todos eram assim, que era da raça...
.. porém, os filhos da Brigitte não eram tão perfeitos assim, pois dois irmãos que moram na casa de minha mãe não podem se encontrar, pois brigam até a morte, numa das brigas, um deles precisou ter os ferimentos suturados no pronto socorro; noutra ocasião, eles arrancaram um pedaço do braço do meu pai, um ancião, no pega-pra-capá, quando meu pai tentou apartar a briga resultado = a casa é dividida em duas áreas, cada um fica num lugar, e durante o dia eles trocam, só que pelo territorialismo, eles urinam a casa toda, sempre que mudam, isso causa um grande transtorno, só pra vocês terem uma idéia, meu pai um dia não conseguiu desparafusar o pneu do carro porque o parafuso estava corroído e colado de tanta urina.. eles mijam no fogão, na geladeira, nas portas, no sofá...
As minhas meninas, Serena e Radija, são extremamente mimadas...
Serena é muito medrosa e ciumenta, late alto por tudo que a desagrada, inclusive quando falamos com pessoas e ela vê que a atenção não está direcionada para ela, ela de pronto reclama; detesta sair de casa, tem medo quando abrimos a porta, não gosta quando saímos, ela fica latindo e nos pastoreando indignada, assim que sente que vamos nos aprontando pra sair..; quando recebemos visitas em casa, elas abrem a bolsa da visita para fuçar o que tem dentro, e o pior é que conseguem abrir com o focinho fino..
Radija ficou aleijada porque caiu da cadeira e quebrou a pata, quando o tratamento acabou, vimos que o osso colou errado e torto > resultado = nossa adorada tigrada ficou com a pata torta e quando anda ela manca; ela quando quer comer e acha que está passando da hora, ela vem junto de mim e começa a esfregar o fucinho na minha cara e morde o meu nariz, late, e não para até que façamos o que ela quer..;
são ladras, adoram roubar bisnaguinhas, pão, o que tiver por cima e elas alcançarem, principalmente a Serena que é maior...
quanto a viagens.. nunca mais.. sempre vou correndo em recife ver meus pais e elas ficam com o 2º pai; sempre, nunca podemos viajar juntos porque não temos ninguém de confiança com quem deixá-las; em 2010 talvez tenhamos que mandar buscar uma babá no nordeste para ficar com elas, isso aumenta e muito as despesas de viagem..
A infância da Serena tem que ser um capítulo a parte, pois ela comeu copo de vidro, óculos escuros, roeu todos os móveis, abriu o braço do sofá, descolou os tacos do chão de tanto xixi que fazia na sala, todo dia era uma surpresa e um prejuízo...
Ah, tenho que dizer que na casa de minha mãe, um dos filhos da minha Brigitte sabe abrir a geladeira, então eles tiveram que por um cadeado a noite pro moço não abrir com o focinho...
Mas não viveria sem elas, contudo, acho elas extremamente adoráveis, são a razão da minha vida.
Débora, te entendo perfeitamente, também fico nervoso com elas, mas logo elas conseguem me fazer esquecer o motivo..
Pra quem pensa em ter um galgo, eu aconselho a pensar bastante e ter a noção de quanto eles são melindrosos e podem realmente se tornar um problema.
Conto mais sobre elas e eles a medida que for me lembrando, mas com certeza daria pra escrever um livro!

Abraço pra todos!!!

Galgos e seus defeitos

Olá amigos queridos.. faz tempo que queria escrever sobre esse tema, estava na minha gavetinha de idéias, e decidi colocar no ar, depois de uma conversinha com a Rê, mamis da Grace.

Os galgos, nossos amados cães, são perfeitos?

Graças a Deus que não, né galera, seria um saco se todos fossem iguais e perfeitinhos. Eles têm sim os seus defeitos e em alguns casos, uns defeitinhos bem pesados e que nos complicam a vida. Mas pra falar a verdade.. pra nós que amamos essas criaturas, eles são PERFEITOS SIM, mesmo com suas 'imperfeições'..rs) Adoramos tudo neles, e aproveitamos para nos divertir com suas artes..rs

Aqui no blog, até agora praticamente só falamos das qualidades.. mas se falamos os prós, temos que citar os contras.
Acho de extrema importância que todos saibam (principalmente aqueles que querem ter um galgo) das dificuldades que enfrentamos com ou, melhor dizendo, por eles.

Uso o termo defeitos, mas na maioria dos casos o problema é outro. Na maioria das vezes trata-se de um comportamento criado por nossos hábitos, vícios que nós ensinamos a eles, mas não quero entrar nesse detalhe.. não importa de quem é a culpa e nem estamos em busca de solução nesse momento.. ou então desviaríamos totalmente o nosso foco.
A idéia é apenas mostrar o outro lado da moeda, ok? Mostrar os problemas que todo futuro dono de galgo poderá enfrentar. Coisa que nós, confrades, tiramos de letra e inclusive nos faz dar boas risadas, mas para quem não ama verdadeiramente a espécie canina, não terá a menor graça.

A questão é:
O que seu galgo faz que você não gosta? 
O que ele faz que te irrita?

Lembre-se que é tudo uma brincadeira, eu AMO o meu magrelinho, mas algumas vezes ele me irrita sim, mas isso me diverte também.. Vocês acreditariam se eu dissesse que adoro essas manias chatas dele que me irritam? Pois é, e eu acabo me divertindo com isso..rs

Vou começar falando do meu menino magrelo (lógico).. ele me irrita em diversos momentos, isso teria que estar confessionário..rs
Meu menino, apesar de novo, é cheio de manias..rs
Mania de comer no chão -  ele simplesmente detesta comer no seu potinho, ele gosta da comida bem espalhada, se eu colocar em pote, ele vira a comida no chão e aí sim come com prazer.. pra não tirar esse prazer dele, eu nem uso mais potes e sim aquelas bandejas de restaurante, é lá que ponho sua comida, mas acreditem, vira e mexe ele vira a bandeja também... aí que raiva que isso me dá!..rsrs
E pior, quando ele quer virar e não consegue, ele late e olha pra mim, como quem diz.. vira isso que eu não tô conseguindo comer direito!...rs
Curiosidade excessiva - Não é aquela curiosidade básica, é demais mesmo.. na rua ele para em todas as portas, portões e lojas.. ele simplesmente estaciona e quer olhar cada porta aberta, subir cada escadinha e olhar cada pacote que encontra no chão ou na mão de alguém. Chega a parar na calçada quando se depara com duas pessoas conversando, parece que quer ouvir a conversa..rs
É realmente demais, se tem alguém dentro de um carro parado ele fica de pé para ver quem é, se alguém tá tirando algo de dentro do porta-malas ele para, vai xeretar e fica olhando a pessoa fazer todo o serviço, como se estivesse inspecionando..rs
Se alguém tá na calçada lendo um jornal ou revista ele tem que passar pertinho para averiguar.. isso me irrita em algumas horas, pois às vezes estou com pressa e não tenho tempo para as investigações dele..rs
Motoristas a sua disposição - O Zé acha que todos os carros na rua estão a disposição dele, se alguém estacionar um carro ou apenas parar o carro no farol.. lá vai ele.. me puxando, às vezes até de pé, doido para entrar no carro..rs
Certa vez ele foi tão rápido que pulou dentro do carro, o carro estava parado na rua de casa e duas moças conversavam, ele passou olhando, foi chegando, uma delas sorriu e pronto, já estava ele no colo dela.
Lambe-lambe -  Tem horas que ele decide me dar banho e começa com uma lambeção sem fim.. me irrita quando ele não quer mais parar. Chega uma hora que cansa, né?..rsrs
Magrelo falante e resmungão -  Quando vamos sair e ele não sabendo esperar começa a resmungar no meu ouvido. Começa baixinho e vai aumentando cada vez mais.
Certa vez, já estava com tudo pronto, bolsa no ombro e ele na guia quando me dou conta de que não achava minhas chaves.. foi um Deus nos acuda, eu atrasada procurando a chave e o 'coisa' gritando no meu ouvido. Foram uns 10 minutos de busca, tentei não me irritar com ele, mas o bichinho me seguia como se quisesse me tirar do sério..rs eu andava pela casa com pressa, tropeçando nele, procurando a chave até dentro da geladeira e ele ainda resmungando??..rs
Não ficar sozinho - Esse é o principal.. não me irrita, mas me dá um trabalho danado.
Muitas vezes não posso sair por causa dele, antes de sair tenho que programar e me certificar de que terá alguém em casa. Se me convidam para um aniversário, ele tem que ir junto. Viagem? Nunca mais depois dele, apenas passeios curtos e com ele junto. Cinema? Só DVD em casa. Restaurante? No máximo uma comidinha rápida nesses barzinhos com mesa na calçada e ele como acompanhante..rs
Vale lembrar que de modo algum estou reclamando, nunca gostei de jantar fora e tal, nunca fui de viajar muito.. então no fundo eu não estou abrindo mão de muita coisa, sempre fui mais caseira. Apenas cito esses exemplos para alertar que quem mora só e tem uma vida social bem ativa, provavelmente terá problemas com um galgo, no mínimo ele não será um cão feliz.
Brigar com machos - Nem preciso comentar, até que melhore ele não pode mais se divertir como antes e alguns casos acaba usando focinheira. Esse exemplo também não me diverte, e graças a Deus e a um floralzinho receitado pela querida Norma (vejam como ela é fofa nesse post) , ele está se acalmando.
Destruição em casa - Quase não tive problemas com isso, mas sei que a maioria tem..
vejam a foto ao lado, reparem no carpete.
Essa destruição foi causada pelos filhos da Lissah, a linda whippet do Daniel.
Lissah hoje mora com São Francisco, mas com certeza estará sempre aqui com a gente, na Confraria dos Galgos.
E por falar no Daniel, ele tem muito a acrescentar nesse tópico, tudo por causa da nova filhota magrela que ele pegou..rs. A menina é agitada, bagunça o dia todo, não para um segundo, se banha na lama e late querendo ficar na cama do pai..rs Ela sim e complicada e perfeitinha.. rs 

Esse magrelo na foto é um dos autores do crime, segundo o Daniel, nem deu tempo de dar bronca, pois logo que viu a bagunça, notou também marcas de sangue, no carpete, chão e paredes.. os magrelos estava com as patinhas assadas e boquinhas machucadas de tanto que 'trabalharam' na remoção do carpete e comendo o guarda-roupa. Apesar da situação, ele mal pode dar uma bronca neles, pois anda teve que correr com os 'delinquentes' para o veterinário. Vida de pai de galgo é assim mesmo..rs
Bom gente, sei que não para por aqui.. mas agora eu não me lembro de mais nada.
Quero que vocês complementem, contem suas histórias, quem tiver fotos de bagunças e 'artes' podem mandar para contato@confrariadosgalgos.com.br  que faço questão de publicar..rs Quem já é confrade, se quiser, poder postar direto, abrindo um post com as artes de seu magrelos. façam como quiserem, o importante é apenas divulgar as artes deles.
Amigos, quero muito divulgar esse lado 'negro' dos nossos amados galgos, acho importante que todos saibam que eles dão trabalho, em alguns casos prejuizo..rs e exigem muita atenção do dono.
E para concluir, só mais duas coisas:
1º - Ninguém é perfeito nesse mundo, nem mesmo nossos amados galgos.
2º - Não há imperfeição, mal comportamento, vício, nada por parte do cão que o impeça de desenvolver com seu humano uma RELAÇÃO PERFEITA. Isso sim é perfeitamente possível.

O "ancião" Sigmund




Olá pessoal! entrei para dar uma dica. Como Sigmund é um cão de 11 anos e 11 meses e começou a tremer as patas traseiras, estamos misturando a ração dele um remedio em pó, Geriatric - Laboratorio Organnact a cerca de um mes e temos notado que está tremendo muito menos. Portanto fica aqui a dica, para quem tenha galgos "idosos", a gente escreve para o Laboratorio e a veterinaria e nutricionista atendem com presteza e atenção, indicando quantidade, onde comprar, enfim tiram todas as nossas duvidas. Já notei nas reuniões, eventos e encontros de galgos que a maioria é jovem, mas todos caminham para a melhor idade, então sempre é bom compartilhar estas informações.
Outra novidade, neste fim de semana meio frio aproveitei e estreei a roupa nova dele, o macacão que a Tia Dé deixou aqui tão atenciosamente, ficou lindo nele! vinho com beje, tudo de bom! tirei foto, se souber como postar vou fazer isto.
Desejo uma otima semana a todos!
Cida & Sigmund
(viram como é birrento? só deixou bater a foto de costas...)

Conquistando o Mundo [ frase do dia ]



P.S. do Zé Magrelo:
Cãopanheiros e Cãopanheiras estamos no caminho certo.
Ainda vamos conquistar o mundo!
Alguém duvida?..hehe

Mila, você também me conquistou, sabia?
Eu e mamis adoramos você!!

Vendo tudo de cima

Certa vez li que nossos galgos são cães aristocráticos, que, entre outras peculiaridades, gostam de se deitar numa cama alta, de onde possam ver tudo de cima. Gostam de ter uma visão do alto, nunca de baixo. Outra curiosidade que li numa outra ocasião é que os cães, em geral, são animais que gostam de tocas.

Ocorre que, andei mudando a decoração da sala daqui de casa e comprei um novo pufe. Eis que Serena entendeu que o pufe era a nova cama dela. Como o móvel é grande e alto (fica da mesma altura do sofá), ela ficou toda feliz achando que tinha ganhado um presente, mais especificamente uma cama muito gostosa. Enfim, Serena foi quem mais curtiu a sala nova! Fica lá quase o tempo todo e quem quiser descansar os pés no pufe que peça licença a ela. rs

Pensando na questão do "animal de toca", também comprei uma casinha para Serena, isso já faz tempo. Ela curtia muito a sua casinha (que na verdade é uma caixa de transporte que está sempre aberta). Entrava e saía de lá, às vezes tirava uma soneca lá dentro, e quando se chateava com alguma coisa, era lá que se recolhia. "Serenaaaa, hora do banho!", eu dizia. E ia ela correndo pra dentro de sua casinha, muito fujona!

Estava eu ajeitando as coisas por aqui, e apoiei um edredon sobre a casa da Serena. Como nossos galguinhos sempre nos surpreendem, de repente deparei-me com uma cena diferente: Serena não mais se recolhe dentro da casinha, mas agora ajeita-se em CIMA dela! Sim, é no "telhado" da casinha que ela gosta de deitar agora. Fica ali, toda poderosa, vendo tudo de cima, no seu jeito aristocrático de ser. Observando tudo e tomando conta de todo mundo. Essa é a minha Serena. Achei-a tão engraçadinha deitada sobre a casa que tirei umas fotos, coisa de mãe coruja. Agora vejam vocês:



Os verdadeiros ajudantes de Papai Noel

Queridos amigos e aumigos, penso que estamos todos nos preparando para o Natal. Presentes, correria no trabalho(minha mamis faz isso pra folgar uns dias..kkk),árvore...todas aquelas coisas clássicas do final do ano.
Então, resolvi postar aqui uma foto minha (com meu papis alí do ladinho..rs), já me achando a melhor ajudante de Papai Noel e muito mais linda, do que o famoso Greyhound da família Simpsons e se preparando para o dia 25.
E vocês, já estão se preparando?







Lambeijos,

Grace.

MENINA, nos representando muito bem no Cachorrada VIP do Faustão

Amigos, eu já vi alguns adestradores falando que os whippets são difíceis de ensinar, mas na prática (com o Zé e com outros whippets) eu noto uma inteligência fora do comum. Pelo menos de todos os cães que já tive (todos virinhas) o Zé é o mais esperto.
E isso está sendo comprovado pela whippet Menina, graças a ela os whippets e galgos em geral vão perder a fama de burrinhos.

Menina e sua mamis, Betty Gofman, chegaram mandando muito bem no quadro Cachorrada VIP do Faustão, onde os cães dos famosos devem reproduzir no palco e acompanhados de seus donos, tudo o que aprenderam com o adestrador.
Eu não assisti o Faustão, mas vi pelo YouTube, hoje logo de manhã a Fúlvia me falou sobre isso e agora mesmo eu recebi a dica da Luca, mamis do Bamboosão e do Phusilli que me mandou o link do vídeo por email, sem contar vários amigos que ligaram só para saber se eu tinha assistido..rs
Amigos, a Nina, como está sendo chamada lá, embora eu prefira chamá-la de Menina, ficou em segundo lugar, não é o máximo?
No vídeo abaixo você poderá ver a participação da Menina, se você estiver sem tempo, pule os primeiros 5 minutos e assim você já irá cair direto onde interessa, a apresentação da Nina e sua mamis.


Nesse vídeo você vê a classificação geral, ficando a Menina em 2º lugar


Muito legal, não é mesmo?

Gentem, domingo que vem tem mais, vamos ficar de olho e ajudar a Nina a ganhar.. assistam e VOTEM nela, afinal ela está mandando muito bem!

Zezinho está empolgadíssimo, tá dizendo que se apaixonou (pra variar..rs), está todo orgulhoso e pensando seriamente em fundar um fã-clube para a Menina.. acreditem!..rs

E não é por menos, Zezinho sabe que sua mamis Betty é uma pessoa muito preocupada com os animais em geral, ela logo falou sobre cães abandonados, posse responsável e adoção.. temos que fazer de TUDO para que ela e sua Menina sigam até a final.. será muito bom para todos!

Vamos agitar, divulguem e peçam para seus amigos votarem na Betty e na Menina, quanto mais tempo elas conseguirem participar do quadro, mais a Betty falará em prol dos bichinhos pra todo o público do Faustão, milhares de pessoas.. já pensaram nisso?

Um beijão para todos, assistam, divirtam-se e VOTEM.

Ahhh.. o principal, acessem o link que a Luca me mandou, lá tem uns vídeos legais da Menina com sua mamis Betty Cachorrada VIP - Betty Gofman e Menina

Pra quem quiser ver mais.. no YouTube tem outros vídeos, acessem.

Cuidado ao Soltar seu Galgo [ALERTA]

Amigos recebi o email abaixo da Marlene, mamis da Sossô e da Magali.

Sua magrelinha linda, a  Sossô, foi gravemente ferida enquanto se divertia num parque, brincadeira que resultou em 20 dias de sofrimento, 20 pontos, 2 entradas no centro cirúrgico, lesão aberta por uma semana, curativos várias vezes ao dia.. e só não foi pior porque a Sosso estava um pouco gordinha, o que acabou ajudando.
Ela faz um alerta, sobre o cuidado que devemos ter ao soltar os cães em parque e áreas públicas.

Veja o email dela:

"Olá Débora, espero que você e o Zé estejam bem !

Estava dando uma olhada no site da Confraria dos Galgos e, em algum lugar (que não me lembro), vi que os whiphets Nauf e Madame, que pertencem a um rapaz chamado Lauberto ou Lamberto, costumam correr na pracinha cercada em frente ao parque Vila Lobos.

Não sei se você está lembrada, mas foi naquele local que minha Sophia foi atacada por uma pastora alemã brava, que um proprietário insano deixou solta. (20 pontos e 20 dias de sofrimento)

Como não sei como avisar o dono do Nauf e da Madame, peço-lhe a gentileza de avisá-lo do ocorrido, para que eles fiquem muito atentos naquele local.

Eu e Sossô, não colocamos mais nossos pezinhos lá.


Ah ! Me avise, por favor quando houver outro encontro.
Bjos
Marlene, Sophia e Magali (irmãnzinha adotiva da Sossô)"
________________________________________
Eu já ouvi muitas histórias assim, é por isso que praticamente nunca frequentei parques com o Zé.. agora então com ele bravo, impossível.
Sei que muita gente acha exagero meu, alegando que os cachorros se entendem, que não é porque o cachorro é grande que irá atacar, e não mesmo.. mas e se atacar?
Eu não arrisco, e mesmo quando o Zé era bonzinho nunca o deixei livre, leve e solto no Ibirapuera  e outros parques maiores, principalmente com um pastor alemão, mesmo que bonzinho.. e olha que é uma raça que eu gosto muito, mas que infelizmente se rolar um stress eles fazem um grande estrago nos nossos galgos.
Não dá pra bobear galera, é sempre arriscado deixar nossos cães soltos com qualquer outra raça maior e principalmente se for de guarda. Basta um segundo para termos um problemão e nossos galgos ficarão marcados para sempre.
Temos também o exemplo do Zipão, um whippet extremamente dócil que foi atacado por duas feras enquanto corria, foi atacado simplesmente porque estava liderando a corrida.. os cães fizeram um estrago dos piores, mas o Zipão felizmente superou essa, a exemplo da Sosso.

Apesar de tudo não culpo os cães, nem mesmo se ele for bravo. Como disse o Lamberto (do Neuf) , o maior perigo mesmo são os donos que não tem responsabilidade, mas tanto nesta pracinha quanto no cercado do próprio Villa-Lobos realmente temos que tomar muito cuidado, pois sempre tem cães bem maiores e inclusive estes de guarda... acompanhados por donos irresponsáveis, eu complemento.

Recado está dado, fiquem espertos, não bobeiem com seus galgos.

Aprendendo com eles ►

Por Claudinha e Zinho via email, direto da Bahia..rs

Você pergunta, a Ful responde: brigas e patas nos pés

Vou responder com bastaaaaante atraso, desculpem!!! Mas, vamos lá.

  • Brigas
Eu não curto muito falar sem ver o que está acontecendo mas, como às vezes ocorrem brigas, o bom é estarmos preparados. Se for algo menos grave, usar uma lata com moedas e chacoalhá-la no exato momento da briga (se possível, antes dela acontecer - observar bem o comportamento dos cães). Senão, pode-se usar um extintor de incêndio (de CO2, pra fazer barulho mesmo), mas não direcionado diretamente ao cão.

Se forem cães que convivem, trabalhar para que um aceite a companhia do outro, sempre com reforços positivos na presença do outro cão. E superviosionar a convivência entre os dois até você ter confiança que eles não brigarão.

  • Patas nos pés do dono
Algumas pessoas acham que não devemos deixar o cão pisar em nossos pés, dizendo que é uma atitude dominante e por aí vai. Mas, sinceramente, se só existir este comportamento de "dominância", nada mais é do que chamar a atenção do dono. Simples assim. Então, dê mais atenção ao seu magrelo e ele vai parar de "pegar no seu pé".

Mila, depois respondo a sua dúvida quanto a terapia assistida por animais, tá bom?!

Laço cão-humano: a conexão entre você e seu cão


Há muito os cães são considerados o melhor amigo do homem e, certamente, merecem o título. O laço entre humanos e caninos é inquestionável. Desde a domesticação do cão, as pessoas se sentem atraídas por eles (e eles por nós). Os cães nos ajudam de várias maneiras e não esperam nada em troca. Caçaram, mantiveram longe os animais daninhos, serviram aos policiais e militares, assistiram os deficientes e permeneceram nossos companheiros fiéis. Em troca, cuidamos deles e lhes oferecemos uma boa qualidade de vida. Uma troca justa. Na verdade, é mais uma barganha. Como esse laço se tornou tão forte? O que podemos fazer para preservá-lo e fortalecê-lo?

Uma pequena história da domesticação
A misteriosa história dos cães foi revelada primeiramente por pesquisas arqueológicas. A transição de alguns lobos para cães provavelmente começou há cerca de 100 mil anos, mas os cães domésticos datam, aproximadamente, de 15 mil a 30 mil atrás. Alguns acreditam que os humanos "criaram" os cães domésticos acasalando-os para terem características específicas, mas este pode não ser o caso. Por natureza, os cães são oportunistas, então uma teoria sugere que os cães começaram a seguir os humanos caçadores por causa da comida. Não importa como tudo começou, o laço entre homens e cães aumentou e certamente continuará crescendo.

O que os cães fazem pelos humanos
Companhia é, provavelmente, o que mais os cães nos fazem, mas é apenas o começo. Evidências científicas provam que muitos benefícios de saúde vem de mãos dadas com o fato de se ter um animal de estimação. Nossos cães nos fazem relaxar, diminuem nossa pressão sanguínea, nos mantém ativos e mais. Os cães trabalham para nós com alegria, também. Cães de serviço podem dar assistência àqueles com deficiências físicas ou mentais, trabalham como cães de busca e salvamento, guardam propriedades e nos protegem de ameaças. Mesmo nossos cães de companhia podem ser treinados para defender nossa família.

E os cães?
O cão domésticos evoluiu para ser dependente de nós. Apesar deles ainda poderem sobreviver no meio selvagem, eles amam os cuidados que proporcionamos a eles. Tudo o que precisamos fazer é ficar de olho nos interesses do cão. Precisamos ser donos responsáveis e suprir suas necessidades básicas - alimento, abrigo, saúde e por aí vai. Nós os treinamos para que eles possam melhor viver no mundo humano e eles gostam disso. É uma situação onde todos saem ganhando.

Preservando e Reforçando este Laço
O laço que você tem com seu cão comeã no momento em que ele entra em sua vida e não para de crescer. Entretanto, existem maneiras de reforçá-lo durante a vida. Participar de atividades com seu cão é o melhor jeito. Pode ser algo simples, como sessões de adestramento (por favor, apenas com reforço positivo, minha gente, sem punição!), escovando-o diariamente, brincando ou exercitando-o. Para laços mais "estruturados", você pode participar de aulas de obediência, fazer um esporte com seu cão, como agility e flyball. Uma das melhores maneiras de estreitar seus laços e deixar que seu cão crie laços com outras pessoas é atuar em terapia assistida por animais. Se o seu cão se enquadra no perfil de cão terapeuta, ele pode visitar pessoas em hospitais, asilos ou ajudar crianças a ler e aprender. Seu cão pode ser capaz de melhorar a saúde dessas pessoas e deixá-las mais otimistas com relação à vida. Não importa como você estreite seus laços e preserve-os, lembre-se que isto beneficia a saúde e o bem estar de você e de seu anjo de quatro patas.

Pessoal, logo mais eu escrevo sobre as dúvidas faltantes, tá? No mais tardar, amanhã.

Tala - Como improvisar uma [faça você mesmo]

Mais uma dica do Orthopets

Seu cão quebrou a pata, não há um veterinário por perto?
Precisa trasnportar seu cão sem agravar o ferimento?

Providencie você mesmo um SPLIT


Pegue uma revista qualquer, na falta serve até um carderno do jornal.

Apoie a pata do cão fechando as bordas do papel com cuidado, segure enquanto um ajudante passa uma fita crepe ou esparadrapo em volta, contornando o papel em um ou dois pontos, apenas para manter o papel enrolado.

Em seguida passe uma bandagem, ou seja, uma faixa pequena, aaquela bem baratinha vendida em fármácias.

Enfaixe a patinha do cão, mantenha a faixa justa, mas sem apertar.. o suficiente apenas para que a pata não fique solta dentro da tala (tubo de papel).

Segundo eles, agindo assim você pode até evitar uma possível cirurgia.

Fonte: Orthopets




Um fim de tarde




Será que todo dia, vai ser sempre assim????

Eu fico aqui pensando junto com minha mamis....quando será que nós, cães educados(??) e lindos, vamos conseguir passear sem problemas na praia?
Para quem não sabe, é proibido cães na faixa de areia e sem guia...(estamos fritos mamis!!!)
Tudo bem, sabemos que tem gente que não cata as sujeirinhas dos seus cãopanheiros, isso fica na areia e pode acarretar em algumas micoses, coceiras doenças nos humanos. Mas sabemos também, que há humanos que deixam muita, mas muita sujeira na praia, e causam doenças também. Eu mesmo, neste dia da foto, cherei tantos lixinhos ( hummmm..kkkk) que fiquei engasgando...minha mamis e meu papis me deram uma bronca :(
Mas, gostamos tanto de brincar...é tão bom o sol, o ventinho do fim de tarde no focinho...ai ai...muito bom. Fazer amigos, correr, correr, correr, até não aguentar mais.
Fica aqui meu pedido para São Francisco ( por favor!!!), pra iluminar a mente dos humanos que proibem, e um dia isso seja possivel. Ou inventem uma alternativa, quem sabe....Afinal, vemos tanta coisa errada na praia....minha mamis tampa até meus olhos pra eu não ver...kkkkkkk
Fica aí uma fotinho, e um fim de tarde que eu aproveitei muito, em Santos.

Lambeijos,

Grace.

Com vocês... Big Nike



Recebi essa foto, digna de calendário ( é ou não é?) e não pude deixar de compartilhar com vocês.
Mas vamos lá, já que estou compartilhando a foto, tenho que pelo menos apresentar a galera.
Quero falar da Big Nike, essa whippet caramelo, mas meu Deus do céu.. eu só tenho olhos para esse Dog Alemão, ele sim deveria ser big, como é grande.. e lindo!
Na foto acima a Fabiana, nos apresenta, toda orgulhosa, seus 3 cães.. 1 pug, 1 big Dog Alemão e a Big Nike, essa whippet caramelo maravilhosa, "a Big Nike é minha menininha, meu xodó, dona da casa..rs" comenta sua mamis Fabiana.
A Nike ganhou esse nome por conta de uma manchinha que ela tinha no dorso ao nascer.
A manchinha acabou sumindo,  mas o nome ficou..rs

Ela teve recentemente 5 filhotinhos  'coisicas mais lindas do mundo' que hojem devem estar quase completando um mês.. até imagino a loucura, nessa fase os filhotes começam a bagunçar e daqui a pouco não param mais..rs

Mas a mãe Big Nike, pelo jeito mostra que vai dar conta do recado, os filhos estão bem vigiados, "tenho um Pug e um Dogue Alemão, os dois machos e ela bate nos dois para mantê-los longe dos filhos! rsrsrsrrrs" diz a Fabiana.
E para quem ficou curioso.. o pai é o espertinho do Buddy, o whippet santista, será que a Grace o conhece?
Olha aí a prova do crime, Nike e Buddy dividindo o mesmo sofá.

Desejamos aos filhotes um futuro tranquilo,  ao lado de donos amáveis, lares maravilhosos, que tenham muita saúde e recebam muito amor.

Ahh.. e também desejamos que Nike e o marido Buddy participem mais aqui da Confraria dos Galgos e cada um de seus filhos também.. heheh

Protetor para Ferimentos nas Patas [faça você mesmo]

Esse post é para a galera que como eu, gosta de se virar, e tentar fazer as coisas em casa..
É mais uma informação de utilidade.. lá do pessoal da Orthopets.
Anotem aí e divulguem esse site Orthopets


Essa é uma engenhoca que irá proteger a pata do seu cão, caso esteja com algum machucado ou ferida.. essa proteção irá evitar que ele se lamba, ira diminuir o acessa das moscas e não incomodará como o colar elizabetano.
É muito prático e você mesmo pode fazer em casa.Veja como fazer:

Use uma garrafa de pepsi-cola 1,5 l.. é mais fina e lisa que as outras

Faça cortes anatomicos, na tampa e no fundo da garrafa

proteja as bordas com esparadrapo (bastante esparadrapo, até ficar macio) ou costure um pano formando um debrum, isso evitará que as bordas cortem a pele do cão

faça furos para fixar a fita de nylon, aquela usada nas guias e coleiras dos cães, você entenderá melhor na foto abaixo

seu uso evitará moscas, ou pelo menos dificultará o acesso para elas.
É descartável, mas se quiser você poderá guardar, pois é também lavável e de secagem imediata.

é cômodo para o animal e parece incomodar menos que o colar elizabetano

aqui o cão está mostrando o cinturão em volta do tórax e a garrafa solta, ao lado da pata.

novamente com a pata integrada ao equipamento

Prático e fácil de fazer. Não sufoca o cão, nem abafa o ferimento.. o cão fica á vontade

P.S. do Zé Magrelo:
Amigos, mamis postou essa novidade, mas eu me lembro muito bem que a Molly Miller, uma magrelona de cair o queixo, já usou algo parecido, pedi para o seu papis mandar algumas fotinhos dela usando a engenhoca dele, não era exatamente assim, mas bem parecido, assim que ele estiver com as fotos eu posto pra vocês.

Por enquanto, só para deixar os magrelos babando vou postar umas fotinhos da Molly Miller, vejam se não é de babar..


Molly é uma diva e não só no nome.. comparem

Como toda diva é folgada, espaçosa e uma tentação

Snake Dog.. esse seu dorso me deixa doido!


Amigos, não dá pra falar dá Molly, sem falar do seu companheiro Simba..
vejam o tamanho desse gatinho..rsrs

Veja também como fazer...
Suporte para Cauda, perfeito para manter a cauda quietinha em caso de ferimentos na região