Notícias do Billy

Pessoal meu Billy se recupera da gastrite muito bem....está comendo a papa de frango com arroz, água de côco e activia. Toma omeprazol pela manhã e já está pedindo pra descer e fazer xixi na rua.

Parece que essa gastrite é hereditária pois o pai dele também tem isso. Ele come muito melhor esse tipo de comida (frango,arroz e legumes) do que a ração dele...Será que posso continuar com essa alimentação...???

Bom vou cuidar do meu bichinho pq ele é a alegria da minha casa. Mesmo porque agora no carnaval vamos na casa do Kiko conhecê-lo.

Monica Terra nos espera com um churrasco baiano ai ai ai vamos ver o que vai dar uma carioca e uma paulista fazendo churrasco na Bahia e criando Galgos.

Beijos a todos que deixaram comentários....

15 comentários:

  1. Ah tomara que ele melhore rapido rsrsrs

    ResponderExcluir
  2. Oi Bere. Que bom que o Billy está se recuperando.
    Apesar de não entender muito do assunto alimentação canina, vou arriscar um palpite: creio que ele pode continuar a comer esta alimentação sim.
    Nosso SKY não demonstra interesse por ração, se não a dermos na boca, ele não come. De modo que temos pesquisado e temos oferecido cada vez mais comida a ele. No blog "cachorro verde" há várias orientações a este respeito.E aqui na Confraria tem muita gente que pode te falar melhor a este respeito.
    É Débora, acho que chegou a hora de começar a tratar deste complexo e polêmico assunto: a alimentação de nossos galgos...
    Beijos Bere, pra você e para o Billy.

    ResponderExcluir
  3. Oi Bere,
    Ainda bem que ele está melhor.Ficamos muito preocupadas quando estes magrelinhos ficam dodoi, não é?
    Bom, sobre a alimentação, acredito que, acompanhada de um veterinario, você poderá sim alimentar seu cão com comida. Eu também leio o blog Cachorro Verde e conheço pessoas que fazem uma dieta balanceada para eu cão e dá certo. Porém sabemos que não é uma tarefa fácil, requer um pouquinho de tempo para se fazer tudo direitinho. Mas tb não é nada que pessoas que já são Secretárias(os) do seu Lar(rsrsrss...eu sou tb!!!)não possam resolver num estalo de dedos.
    A Grace está comendo comida aos poucos. Estou descobrindo o que ela gosta e o que ela não gosta.Tudo acompanhado de veterinário.
    Mas pesquise bem, veja o que vale a pena, estude o assunto e fale com o Vet.

    Bjos,

    Rê.

    ResponderExcluir
  4. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  5. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  6. Hey,

    Que bom que o magrelo está fazendo o caminho de volta ao normal.
    Já tivemos um ótimo debate uma vez por aqui sobre o assunto...

    A alimentação dos galgos é uma das coisas mais simples que há. Galgos são cães extremamente antigos, parte de uma piscina genética livre de doenças hereditárias e não se sabe de problemas congênitos característicos dela também.

    Sendo assim, tudo funciona direitinho e o trato gastro-intestinal de galgos como whippets e lebréus é tão funcional quanto o de outros da classe.

    O ideal MESMO seria uma ração chamada 'tipo Custom'. São rações feitas especificamente não só para uma determinada raça, mas sim para um determinado indivíduo (cão). Assim como nós, os magrelos também são únicos e já imaginou todo mundo comendo a mesma coisa? Não funfa... Mas o pior mesmo são certas incompatibilidades. Ver o bicho comendo feito louco a nossa comida NÃO TEM NADA a ver com saúde ou alimentação responsável. BEM longe disso. Olho muito vivo nessa área.

    Mas isso é muito caro, pouquíssimas pessoas fazem isso e - se me permite - fora da realidade total para criadores e mestres de galgos como eu e você.

    Portanto, a escolha de uma boa ração premium é fundamental (primeiro ponto). Isso se dá porque a nossa alimentação não é o bastante em muitas coisas, e as vezes é excessiva em outras. A ração é feita e pensada para equilibrar certos pontos que seriam impossíveis para nós de fazê-lo. A concentração destes bio-elementos também é pensada levando em conta o metabolismo e processos digestórios do animal. Outra vez, em ração BOA ok?

    Por exemplo, um pequeno bife de 150grs contém em ferro o equivalente a 1,5 maços gordos de brócolis e representaria nesse caso a maior parte de nossa necessidade diária. Imagina enfiar uma árvore goela abaixo? Não rola...

    As rações levam essa vantagem em 'concatenar' estes bio-elementos não tão fáceis de serem absorvidos por aí. MAS... (e vamos ao mas...)
    Mas não são absolutas. Longe disso.

    A saída é fazer o que eu chamo de 'tempero'. Jamais usar sal, mandar brasa em azeie extra-virgem de ÓTIMA qualidade e caprichar em alimentos complementares como carnes, legumes duros (todos), hortaliças e praticamente tudo do horti-fruti JUNTO com a ração - de preferência morninho, tudo bem fresco, eles adoram.

    A Donna (incrível) adora folhas. Nunca vi isso mas se eu der um maço de rúculas, ela come tudo, a qq hora. Muito leve com feijão e o tal caldinho... É bom, pode dar, mas tem bastante ferro e meio que dá uma ressecada nas fezes.

    Pessoalmente, eu compro carne moída bacana, a aquecemos bem (sem sal, só com azeite) e deixo preparada numa quantidade para a semana toda. Para a Donna vai a carninha, a ração e os legumes ou folhas da vez. Te digo... parece um serrote a magrela... Ela praticamente bebe a comida. Tenho sempre que ficar perto, para ela comer com calma senão vai tudo em 10 segundos.

    Eu procuro pegar muito leve com frango também. Isso porque é uma carne de baixa qualidade (sim, acredite) e sua constituição industrial é das mais questionáveis. O bicho não cresce naturalmente, é uma carne cheia de hormônios, sua fibra difere da carne de frango dito 'capirira', etc etc etc... Pode usar, mas recomendaria não deixar virar a regra.

    Enfim, galgos:

    - digerem muito mal carbohidratos e farináceos (como qq outro cão. portanto, aquela mania de biscoitinho toda hora ou pão (terrível) que muitos têm só faz estragar os dentes e detonar com tudo). Batatinha cozinha e carne moída pode ser uma ótima, mas também não pode ser a regra.

    - digerem muito muito bem proteínas e aminoácidos (carnes e frutas duras e frescas dão conta. Óleos-graxos naturais de banana, abacate, etc.. são ótimos também. Deixa o pêlo lindo. Mamão, sabe como é né...? Deu, vai ter que lavar o tapete... kkkk)

    - digerem normamente vitaminas e minerais (desde que bem eliminados e que a quantidade de água do bicho esteja sendo consumida também normalmente).

    É isso aí Billy Boy... Manjare piccinino che te fa benne!
    Melhoras para vocês.

    Cheers,
    San.

    ResponderExcluir
  7. Depois da comida, a magrela adora se jogar em cima de mim ou da Tha e ficar horas... Jiboiando...

    risos...

    ResponderExcluir
  8. Nossa que aula...muito obrigada San !!!
    abraços

    ResponderExcluir
  9. San,
    é mais ou menos isso que estamos fazendo por aqui. Comida e ração. Comida, digamos, legumes, musculo moido, azeite, legumes crus e frutas não acidas. Ta dando certo. Tive resultados. A Grace ficou mais forte em seus musculos depois disso. Agua de côco tb anda tomando...ta melhor que eu!rs..Depois te tanta coisa gostosa ainda dá um arrotinho ( altinho por sinal) porca!!!!! hehehe

    Rê.

    ResponderExcluir
  10. Ai que linda Renata.....vou ensinar meu Billy a arrotar......aff !!!

    ResponderExcluir
  11. Ahahahahahaha...

    A Donna solta uns puns sem avisar de vez em quando também.
    As vezes, tão educados... as vezes uns porcos mesmo.

    Tá perfeito B a comida do Billy Boy Magrelo.

    ResponderExcluir
  12. Isso mesmo Rê.
    Dá para ver pelas photos que a Grace tá cada vez mais linda.

    Todos sabem que quando adotei a Donnatella ela estava abaixo do peso e tudo mais. Mas olha, precisa ver a torinha que ela está. Toda musculosa, bem disposta... um avião! hahahahah

    ResponderExcluir
  13. Vai nessa não Billy....
    (arrotar).

    Cambada de porcaccioni!

    ResponderExcluir
  14. Oi Berê, tudo bem?
    Oi pessoal todo.. esse assunto sempre rende, né?...rsrsrs

    Berê, AMEI a sua preocupação em relação á alimentação do Billy, isso é muito bom.

    Tenho a certeza absoluta de que você irá se surpreender e muito com o que vai descobrir por aí.. eu vou ser sincera com você, dou alimentação caseira para o Zé e não me arrependo disso e digo mais, torço muito para não ter que voltar a dar ração industrializada, tudo o que tenho pesquisado sobre o assunto me faz fugir disso.

    Mas também não vou vou entrar em detalhes por aqui, a menos que eu fosse uma veterinária e mais.. especializada em alimentação.

    Conheço muitos veterinários que não arriscam opinar sobre esse tema.. eu então tenho que me controlar e ficar quietinha.. rs e claro opinar sempre que me perguntam, e com grande contentamento, é lógico..rs

    Apesar de simples é um assunto muito complexo, tem muitos alimentos que são perfeitos mas por um detalhe pode fazer um mal terrível.

    Digo.. não vou opinar aqui no blog, mas é lógico que se alguém quiser mais detalhes sobre a minha experiência com o Zé eu falarei e numa boa, pois como falei eu sou super favorável a alimentação caseira.

    E olha que sempre fui super fã das rações que eu considerava super premium, achava que era o que tinha de mais completo.. mas foi só pesquisar um pouquinho e quase caí de costas com o que fui vendo.

    Já que cada caso é um caso, vou te escrever por email e já tô vendo se encontro um veterinário especialista em nutrição para você aí em Salvador, já ouvi falar de um muito bom, vou ver se acho o contato dele.

    Ahhh... o Zé arrota também..kkk. Punzitos são raros, mas o arrotão é fatal..kkk

    Donna pelo jeito é a donzelinha das meninas, pelo menos os arrotinhos ela segura..rsrs

    Um beijão para todos.. valeu San, Rê, Xú e Ale.

    ResponderExcluir
  15. Ótima recuperação para Bily.
    Galgos tendem a desenvolver problemas gástricos e de pele devido a alimentação.
    Cuide bem dele. Comida caseira vai lhe fazer bem.
    Félix só come comidinha feita por minha mãe, forte como o Popeye.

    ResponderExcluir